Publicado em 01 de Fevereiro de 2018

Temer visita Pernambuco nesta sexta-feira para entrega de estação da Transposição

O presidente Michel Temer (MDB) vem nesta sexta-feira (2) a Pernambuco.

Foto: Marcos Corrêa/Presidência da República 

O presidente Michel Temer (MDB) vem nesta sexta-feira (2) a Pernambuco para a cerimônia de entrega da Estação EBI-2 do eixo Norte do Projeto de Integração do Rio São Francisco (PISF), no município de Cabrobó, no Sertão do Estado. Este é o mesmo eixo da transposição que foi visitado pela ex-presidente Dilma Rousseff (PT) poucos dias antes da votação do processo de impeachment no Senado, que decretou a sua saída da Presidência.

Logo depois de Temer assumir o governo, as obras da Transposição foram paralisadas por um anoquando a previsão de entrega do eixo Norte estava prevista para 2017. O governo teve uma série de problemas nos canteiros da obra. Primeiro, a construtora Mendes Júnior, empreiteira envolvida na Operação Lava Jato, abandonou o empreendimento.

Após isso, a licitação levou um mês para ser iniciada e quando foi escolhida a empreiteira substituta o Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF-1) concedeu liminar, paralisando a obra, em favor de um consórcio de empresas que teria oferecido a melhor proposta financeira no procedimento licitatório, mas foi desclassificado. O Ministério da Integração Nacional, então, recorreu ao Supremo Tribunal Federal e foi atendido. Com previsão para ser concluída em três anos, a obra de transposição do Rio São Francisco se arrasta desde 2007.

No ano passado, Michel Temer foi à cidade de Monteiro para entregar outro trecho da transposição, o eixo Leste. A obra tem sido alvo de disputa pela sua paternidade já que tanto Temer como o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) vem tentando colar suas imagens ao projeto. Até mesmo o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), tenta utilizar a obra.

 

 

Ne10